Lucas Penteado deixa o BBB21: O garoto merece o mundo aqui fora

Lucas Penteado deixa o BBB21: O garoto merece o mundo aqui fora
Globo/Reprodução

Mas precisamos conversar sobre as situações grotescas que aconteceram dentro da casa mais vigiada do Brasil

Na última madrugada, dia 7 de fevereiro, Lucas Penteado protagonizou um dos momentos mais marcantes de toda a história do Big Brother Brasil. Em um beijo lindo, representativo e cheio de amor, ele e Gilberto coloriram um ambiente que estava rodeado de medo e opressão. 

Logo depois, vários outros participantes – dentre eles, Pocah, Lumena e, principalmente, Karol – foram questionar a sexualidade de Lucas, o colocaram contra a parede e o acusaram de estar “se apropriando de lutas que não lhe pertenciam”. Todas essas acusações são covardes e desumanas. Isso, somado a outras violências que cometeram contra Lucas, foi o estopim para que ele saísse do programa.

Vale lembrar que, em nenhum momento, a produção do BBB21 interviu nas inúmeras situações de violência.

Racismo, ódio de classe, bifobia, psicofobia. Tudo isso, junto e misturado, resultou na saída de Lucas Penteado do BBB21

A gente precisa falar sobre como a interseccionalidade é um método muito sério de análise das opressões e da realidade como um todo. Lucas, homem negro, foi vítima de uma série de ataques proferidos também, principalmente, por pessoas negras. Pessoas que ocupam um outro lugar de classe (Karol), de território (Nego Di) e de educação formal (Lumena). Pessoas que se sentiram à vontade para promover a maior série de ataques da história contra um único participante.

Lumena, que no segundo dia, deu uma lição de moral em “defesa das travestis” e Karol que canta sobre ser uma tombadora empoderada. Pessoas que, acostumadas a ocupar um lugar de relevância dentro de seus grupos acadêmicos e artísticos, se sentiram à vontade para propagar violência psicológica contra um jovem que, ele sim, possui um histórico aguerrido de militância. 

Lucas Penteado foi uma das grandes lideranças estudantis durante o movimento de ocupação das escolas em 2015, na cidade de São Paulo. A luta que milhares de estudantes encabeçaram era contra o projeto de “reorganização escolar” do ex-governador Geraldo Alckmin que inviabilizava que muitos estudantes pudessem chegar até seus locais de ensino. Essa “reorganização” consistia em dividir as escolas de acordo com ciclos de educação e acarretaria o fechamento de inúmeras instituições de ensino em todo o estado. Após 40 dias de protestos, o governador teve que suspender seu “projeto”.

Sintomático que a saída de Lucas do programa tenha se dado logo após ele protagonizar, junto com Gil, o primeiro beijo entre dois homens na história do Big Brother Brasil. A bifobia dos demais participantes se somou às inúmeras opressões já exercidas e foi o fim. Lucas não aguentou. Quem aguentaria? A casa inteira se mobilizou para isolar ele de todas as dinâmicas e de todo convívio social. Em muitos momentos, ele se viu sozinho.

Quando pensamos sobre a interseccionalidade, não é sobre quem está automaticamente acima ou abaixo de quem. É sobre como tudo se cruza, o tempo todo, num emaranhado de explorações e opressões. Opressão é sobre relação de poder. 

Ali, no BBB, visivelmente, o poder simbólico foi sendo concentrado em torno do trio cancelador (e também se estendendo, em momentos, ao Projota). A legitimidade da identidade (e aí Karol e Lumena se destacam, pela questão de gênero) sendo usada para legitimar violências inaceitáveis contra outra pessoa. 

Lucas sofreu assédio. Lucas foi difamado. Não se trata apenas de um “jogo”, mas da reafirmação de um jovem negro e pobre como alguém menos digno de afeto e de confiança. É terrível e covarde.

Lucas saiu muito maior do que entrou. Enquanto outras pessoas diminuíram e continuarão insignificantes. Espero que aqui fora ele tenha carinho e a alegria que lá dentro foi privado. 

Deixamos registrado aqui todo nosso carinho por Lucas Penteado.


Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.