Riverdale 4×10 | Estão prontos para o último jogo?

Riverdale 4x10: estão prontos para o último jogo?
CW/Divulgação

Riverdale é incrível sendo Riverdale, ou seja, uma série adolescente!

Antes de entrar no review deste episódio, é preciso deixar claro aqui que Riverdale é ótima trazendo elementos que são próprios do universo da série e, diga-se de passagem, das séries adolescentes. E tá tudo bem! Nós amamos ver Cheryl brigando pelo seu lugar na liderança das Vixens, Betty casualmente investigando denúncias de violência estudantil enquanto escreve um artigo para a escola, sem falar na delícia que é ver um bom jogo de futebol americano (ainda que não tenhamos isso no Brasil, graças às influências de filmes norte americanos que enchem as nossas cabeças, podemos nos conectar com essas histórias!). Com tudo isso, até conseguimos aceitar o enredo meio chato de disputa entre Veronica e Hiram pela construção de um império regado à Rum.

Não consigo entender essa ânsia de tentar fazer séries adolescentes serem mais complexas do que podem ser, quase nunca dá certo e nós vamos perdendo o interesse.

Ah, desabafei!

Vamos falar sobre o episódio dez, finalmente.

É a semana do espírito esportivo na escola, um período que antecede o grande jogo do campeonato estadual de futebol americano. Graças a Monroe, os Bulldogs conseguiram chegar à grande final e enfrentarão… Stonewall Prep Stallion? Confesso que fiquei surpresa com a casual proximidade das escolas na série, mas tudo bem, aceitei.

Porém, é claro que o time da nova escola de Jug só conseguiu chegar até esta altura do campeonato porque trapaceiam com violência e compra de juízes e árbitros. Quem acaba descobrindo isso é Betty, durante sua pesquisa para escrever um artigo sobre o jogo e elevar o espírito dos Bulldogs e da Riverdale High. Em uma cena que só nos faz odiar ainda mais Bret, ele conta a Betty: “Querida, isso não é um clube de tricô”. Ele ainda continua contando para ela que o futebol é como “darwinismo social em uniformes”. Ah, por favor, me poupe! Enfim, de acordo com o bonzão – a.k.a. Bret – “o futebol é um esporte de gladiadores e você vence debilitando e aniquilando seus inimigos”. Agora é mais que oficial, BRET É MAIS BABACA DO QUE ESPERÁVAMOS.


Caso você esteja se perguntando: “credo, o que é Darwinismo social?”. Bom, você não perde nada por não saber. Em todo caso, eu explico: é um teoria bizarra que não tem nada a ver com a teoria de Darwin, mas que se apropria de conceitos que são biológicos e evolucionistas para tentar “explicar a sociedade”. É uma faceta fascista que afirma que “existe uma hierarquia de raças, culturas e naturezas humanas”. NOJO DESSE PENSAMENTO.


Agora, vamos voltar.

Quando Monroe está saindo da academia onde trabalha com Archie, ele se depara com quatro agressores mascarados que acertam seu joelho com um taco de golfe. Archie e os outros Bulldogs logo conectam seus adversários à agressão e decidem ir tirar satisfações na Stonewall. Bret acaba com um merecido soco na cara, mas Archie termina preso. Lembra do tio Frank, irmão de Fred? Então, ele acaba indo tirar Archie da prisão e os dois se unem por conta do amor compartilhado pelo boxe.

Agora, a gangue de Riverdale quer vingança.. e Betty propõe um plano.

Veronica veste uma peruca loira para se infiltrar em uma festa de Stonewall como “Monica” e seduzir Bret, usando seu novo rum para conquistá-lo. Ela quase fez ele confessar que acertou Munroe, mas Jughead acaba com o disfarce sem querer. (Além disso, Betty descobre que Jughead tem uma entrevista para entrar em Yale e está na Quill & Skull – associação secreta – e nunca contou a ela sobre isso.) Munroe ainda está muito machucado para jogar … mas o tio Frank oferece alguns “analgésicos” para ele conseguir estar bem para o jogo. Para Monroe, essa competição é importante porque um olheiro estará presente e ele precisa da bolsa de estudos para a faculdade, então acaba tomando os remédios, apesar dos protestos de Archie.

Durante o jogo, Archie tenta proteger Munroe dos truques sujos de Stonewall, enquanto Cheryl e as Vixens fazem uma coreografia de Cherry Bomb, das The Runaways. Munroe marca um touchdown um pouco tarde demais e eles precisão de dois pontos para vencer. Munroe acaba na linha de gol e Stonewall vence.

Depois de descobrir sobre os “analgésicos”, Archie enfrenta tio Frank, mas Munroe recebeu uma oferta de Notre Dame, a universidade que havia enviado o olheiro. Após o jogo, Bret se gaba com Betty e Jughead, e Betty promete derrubá-lo, formando uma equipe para combater a Stonewall e escancar as sujeiras por trás das vitórias. Além disso, Jughead descobre que entrou em Yale!! Só que Bret também entrou e comenta que os dois podem até ser companheiros de quarto na faculdade.

Corta para mais um flashforward “um mês depois”, Bret encontra Betty chorando no quarto vazio de Jughead e diz a ela: “Acho que seremos você e eu em New Haven”. Mas espera, Betty não foi rejeitada por Yale???

Outras coisas que aconteceram no episódio foi: Cheryl enfrentou a nova treinado das líderes de torcida, Srta. Appleyard, eventualmente trancando ela no vestiário; Mary contou a Archie sobre o lado sombrio e egoísta de Frank, mas Frank se desculpou culpando os tempos de serviço no exército pelo mau comportamento e Archie convidou o tio para ficar em sua casa; Hiram conseguiu uma liminar para que Veronica parasse de produzir rum igual ao seu, mas ela encontrou uma solução ao lado de Cheryl e seu xarope de bordo; Nada estranho ou sobrenatural aconteceu!


Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.